http://i8.photobucket.com/albums/a26/monicaleal/sap.jpg anascente: Manhãs Frias

sexta-feira, março 10, 2006

Manhãs Frias




Hoje no meio da multidão, vinha a pensar na correria da vida. No desperdício, na quantidade de gente que há em todo o lado. Na quantidade de comida que se produz para alimentar toda essa gente. Na quantidade de papel que se gasta em todos os destaks deixados para trás nos corrimões da estação de comboio.

Na verdade se estivermos a ver de fora, friamente, só vemos uma correria cega, dia após dia. Trabalho, casa, trabalho, pequenos prazeres no meio do muito a que obrigamos a nossa natureza. Despertares cada vez mais cedo, para chegar cada vez mais cedo e contornar filas inevitáveis, gente em todo o lado, comidas cada vez mais gordurosas numa vida cada vez mais acessória.
O que fazemos por nós afinal? Vivemos alienados do que produzimos, do que sentimos do que queremos.
Que criamos nós? Frangos, muitos e tudo em cadeia, muito de tudo para alimentar tanta gente. Obrigamos a natureza a curvar-se perante o nosso consumo. Muito desperdício. Muito e muito lixo, tanto que não sabemos o que fazer com ele.
E se o homem não tivesse predadores? E se o homem continuar a ser um vírus em constante mutação, cada vez com mais defesas, cada vez mais forte sobre todos os outros predadores?

Se o organismo luta para viver, desmesuradamente, mesmo para além de todas as suas forças. Seria esse organismo capaz de abdicar de si mesmo por uma existência em conformidade com o desenrolar natural da sua natureza interior em harmonia com o seu habitat?
Poderia esse acto generoso ultrapassar a dualidade que existe entre o homem e a criação?

É uma reflexão precipitada de quem viveu mais uma manhã no meio de uma multidão ensonada, quase preparada para mais um dia de nada

1 Comments:

Blogger zeca said...

Olá!
Não penso que seja uma ..."reflexão precipitada de quem viveu mais uma manhã no meio de uma multidão ensonada, quase preparada para mais um dia de nada", mas sim uma grande reflexão! Sim, imagina se todos tivessem este tipo de "reflexão"! Como o Mundo, como as pessoas seriam diferentes! Muito melhores, tenho a certeza!

Dia Luminoso para ti:)

2:42 da tarde, março 13, 2006  

Enviar um comentário

<< Home